Cadastre-se grátis!
Receba informativos diários do MN1 no seu E-mail!

X

  • Google+
  • YouTube
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Skype
  • Whatsapp
Paulinelly Construções
Arquia
Eudes Fonseca
Comercial Rocha

Notícias
MN1

MN1 Notícias - Alertas, Celebridades, Ciência, Cinema, Curiosidades, Dicas, Entretenimento, Espaço, Esportes, Games, Internet, Moda, Pesquisas, Polêmicas, Religião, Saúde, Segurança na WEB, Tecnologia, Vídeos da WEB e Muito Mais!

Notícias
+ Lidas

04/12/2017 às 15h37

FBC diz que Paulo Câmara abandonou Pacto pela Vida de Eduardo Campos

Do: Blog de Jamildo

Visto por 119 pessoa(s).

Misael Lima Postado Por:
Misael Lima
www.facebook.com/MisaeLLima01

Foto: Ivaldo Regis/Divulgação

Foto: Ivaldo Regis/Divulgação

O senador Fernando Bezerra Coelho, hoje no PMDB, voltou a criticar o governador Paulo Câmara (PSB) nesta segunda-feira (4). O parlamentar, que provocou um racha no seu novo partido para tentar levá-lo para a oposição e se coloca como pré-candidato, afirmou que a gestão do socialista não deixou marcas. “O Pacto pela Vida, construído por Eduardo Campos, foi abandonado”, disse ainda em entrevista à rádio CBN.

O senador citou os números da violência, que devem ser explorados nas eleições de 2018. Segundo a Secretaria de Defesa Social (SDS) até outubro deste ano foram registrados 5.576 homicídios, maior do que todo o ano passado. Coelho afirmou que em novembro o número ultrapassou a marca de 5 mil. Porém, os dados só devem ser divulgados oficialmente em meados de dezembro.

Fernando Bezerra retomou o mote de que “Pernambuco está em câmera lenta”, ironizando o sobrenome de Paulo. “Precisamos de um governador com ânimo, que seja maior que a crise. Quando olhamos para este governo, vemos que ele não deixou nenhuma marca”, afirmou o senador.

O parlamentar enfatizou que nos últimos três anos e meio os investimentos públicos de Pernambuco caíram pela metade, sendo superados por estados vizinhos, como Bahia e Ceará.

“As dificuldades da crise não servem como justificativa, porque os outros estados investiram. A realidade é que falta projeto, falta liderança. O dever de casa foi muito mal feito”, afirmou. “Pernambuco tem que ter voz ativa. Pernambuco é um líder natural do Nordeste. Para recuperarmos esta liderança precisamos de um novo jeito de governar, com entusiasmo, ânimo e firmeza. Acho que se esgotou um ciclo.”

voltar

  • Google+
  • YouTube
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Skype
  • Whatsapp
Ir para o topo