Cadastre-se grátis!
Receba informativos diários do MN1 no seu E-mail!

X

  • Google+
  • YouTube
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Skype
  • Whatsapp
Restaurante Donna Júlia
Paulinelly Construções
Eudes Fonseca
Comercial Rocha

Notícias
MN1

MN1 Notícias - Alertas, Celebridades, Ciência, Cinema, Curiosidades, Dicas, Entretenimento, Espaço, Esportes, Games, Internet, Moda, Pesquisas, Polêmicas, Religião, Saúde, Segurança na WEB, Tecnologia, Vídeos da WEB e Muito Mais!

Notícias
+ Lidas

15/05/2017 às 10h05

Homem é suspeito de envenenar ex-namorada e oito familiares em PE

Do: Diario de Pernambuco

Visto por 268 pessoa(s).

Misael Lima Postado Por:
Misael Lima
www.facebook.com/MisaeLLimaMN1

Chumbinho pode ter sido usado para envenenar família. Foto: Juliana Leitão/DP

Chumbinho pode ter sido usado para envenenar família. Foto: Juliana Leitão/DP

Débora, de 22 anos tem o estado de saúde mais preocupante. Ela está na sala vermelha da emergência clínica do HR, em estado grave e entubada.

A polícia investiga o envenenamento de nove pessoas de uma mesma família em Camaragibe. Todas passaram mal após se servirem do almoço do Dia das Mães, neste domingo, no bairro do Timbi.

A principal suspeita é de que o ex-namorado de uma das vítimas teria colocado um veneno utilizado para matar ratos, conhecido como chumbinho, no tempero colorau, utilizado na preparação dos pratos. Débora Regina Belo Soares, de 22 anos, havia terminado o relacionamento com o suspeito, que não estaria aceitando o rompimento. A Polícia Civil está realizando diligências para prendê-lo. Além disso, exames toxicológicos estão sendo realizados para confirmar o tipo de veneno utilizado no crime.

No sábado, o suspeito foi à casa da família, tentando reatar o namoro e pediu à ex-namorada que colocasse créditos no celular dele. A polícia acredita que quando ela saiu, ele teve acesso à cozinha da residência.  Vestígios de um material preto foram encontrados no colorau.Naquela mesma noite, Débora preparou os pratos, passando mal logo em seguida. Ela foi socorrida para o Hospital da Restauração (HR), no Recife. A família não associou o fato à comida e no domingo, o alimento foi servido.

Mais oito pessoas passaram mal. Três foram encaminhadas à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) dos Torrões, passaram a noite em observação e devem ser liberadas ainda hoje. Cinco pessoas foram levadas à UPA da Caxangá e três delas  foram transferidas para o HR.

Débora tem o estado de saúde mais preocupante. Ela está na sala vermelha da emergência clínica, em estado grave, entubada. Os outros internados no HR são: Valquilene Maria Soares, de 34 anos, em observação na emergência da clínica médica, com quadro estável; Nilva Maria da Silva Soares, de 74 anos e Augusto Francisco Soares, de 78 anos, ambos com quado estável, em observação na emergência clínica. O gato da família não resistiu e morreu. O cadáver do animal vai passar por exames no Instituto de Criminalística (IC).

voltar

  • Google+
  • YouTube
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Skype
  • Whatsapp
Ir para o topo