Cadastre-se grátis!
Receba informativos diários do MN1 no seu E-mail!

X

  • Google+
  • YouTube
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Skype
  • Whatsapp
Restaurante Donna Júlia
Paulinelly Construções
Arquia
Eudes Fonseca
Comercial Rocha

Notícias
MN1

MN1 Notícias - Alertas, Celebridades, Ciência, Cinema, Curiosidades, Dicas, Entretenimento, Espaço, Esportes, Games, Internet, Moda, Pesquisas, Polêmicas, Religião, Saúde, Segurança na WEB, Tecnologia, Vídeos da WEB e Muito Mais!

Notícias
+ Lidas

10/07/2017 às 14h53

“Sou mais feliz”, diz mulher após cirurgia que corrigiu deformidade no rosto

Do: CuriosaMente

Visto por 319 pessoa(s).

Misael Lima Postado Por:
Misael Lima
www.facebook.com/MisaeLLima01

“Sou mais feliz”, diz mulher após cirurgia que corrigiu deformidade no rosto

“Sou mais feliz”, diz mulher após cirurgia que corrigiu deformidade no rosto

Há dois meses, o CuriosaMente mostrou o caso de Luciene Anselmo de Faria. Nascida com uma malformação no maxilar, seu rosto acabou se tornando deformado. Além dos problemas de saúde, como a dificuldade para respirar, desde a infância a dona de casa de 30 anos sofria discriminação por conta de sua aparência. Depois de procurar ajuda, um grupo de cirurgiões dentista se sensibilizou com sua situação e custeou seu tratamento. A cirurgia foi enfim realizada no início do mês de abril. E Luciene agora diz que sua vida mudou completamente.

A harmonização estética de seu rosto trouxe a auto estima de Luciene de volta. Ela, que já chegou a ser chamada até de “monstro”, conta que agora todos elogiam sua aparência. Mas os elogios que mais a tocam ainda vem de quem sempre esteve ao seu lado. “Minha filha sempre foi minha parceira, sempre esteve comigo e cuida de mim. Ela virou para mim e me disse como eu estava bonita. Nossa, foi especial”, afirmou ao G1. “A minha mãe também teve a mesma reação.”

Ela agora também pode, enfim, dar início à sua vida profissional. Antes, até esse empecilho havia sido criado pela aparência de Luciene: nunca ninguém havia lhe dado um emprego. Agora, ela foi contratada como atendente de uma empresa de telefonia; moradora de Peruíbe, no litoral de São Paulo, ela agora está de mudança para o Rio de Janeiro, onde dará início a esta nova etapa de sua vida. “A gente fica meio assim de enfrentar, mas tem que enfrentar. Eu estou segura e me sinto aceita”, comentou ela.

Luciene foi encaminhada ao cirurgião dentista Alessandro Silva. Ele atestou a gravidade do caso e, junto com o ortodontista Marcelo Quintela, passou a buscar uma forma de ajudá-la. Eles sensibilizaram vários outros colegas e, juntos, passaram a custear um plano de saúde para Luciene, com valor em torno de R$ 500 mensais, através do qual eles pudessem realizar o tratamento e a cirurgia em si – que, sozinha, custaria entre R$ 50 mil e R$ 60 mil.

Durante um ano e meio, Luciene usou um aparelho ortodôntico. Há um mês, a cirurgia foi realizada, visando corrigir a respiração, o selamento labial e a estética facial; foram colocadas duas próteses de titânio nos lugares onde não havia ossos, corrigindo a articulação da boca.. O procedimento durou 11 horas e contou com o envolvimento de doze profissionais – entre eles, o dentista americano David Poor. O acompanhamento pós-operatório ainda deve durar cerca de mais um ano.

Unimes/Divulgação

voltar

  • Google+
  • YouTube
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Skype
  • Whatsapp
Ir para o topo